Home > Design > Como compor a decoração de casa com quadros retrô

Como compor a decoração de casa com quadros retrô

24 de março de 2017, por Jane Galaxie
Design

Uma parede bem decorada dá vida ao ambiente. Melhor ainda se for composta por quadros de posters retrô e/ou fotografias antigas, seja de seus artistas preferidos ou familiares. Segundo a arquiteta e designer de interiores Fernanda Hoffmann, essa é uma opção para todos os tipos de cômodos, como quartos, salas e escritórios, e que pode ser feita de diversas maneiras. Confira abaixo algumas dicas da especialista e inspire-se nas imagens:

Existe altura certa?

De acordo com Fernanda, deve-se ter em mente uma altura pré-estabelecida. “A mais comum é a de 1,60m contada a partir do chão até o meio do quadro. Não é uma medida obrigatória, mas é uma dica para começar a pensar nesta forma de disposição, já que é a posição que a maioria consegue apreciá-lo”, explica.

quadro-retro

Foto: Reprodução

Posicionamento correto

É fundamental prestar atenção no mobiliário do espaço. Se for colocar o quadro na sala, eles devem ficar pelo menos 25cm acima do sofá. O mesmo vale para os quartos, em relação à cama, aparadores, mesas de jantar etc. No caso de escadas, os quadros devem acompanhar sua inclinação.

Simetria

“Não acredito que a posição dos quadros deve ser simétrica. Um exemplo é que as peças não precisam estar penduradas na parede, podem estar apoiadas na mobília, prateleiras e até mesmo no chão”, afirma a especialista, que ressalta a importância de testar as peças antes de furar a parede para ver se gosta da composição, pois não existe regra e sim uma questão de gosto.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Molduras

A escolha é livre, não é necessário seguir um estilo só. É importante observar qual é a decoração geral do ambiente, fazendo com que haja um equilíbrio com o todo. “As molduras não precisam ser todas iguais, pode-se misturar quadros com e sem molduras, mas é fato que as semelhantes produzem um efeito mais clean. Modelos variados criam uma textura maior e pede uma decoração mais limpa no restante do espaço para não sobrecarregar. Não necessariamente precisa de um quadro com foto, a composição apenas com molduras também é interessante”, orienta a designer.

Valorização de espaços

Usar galerias de quadros em corredores, que normalmente são “sem graça” e não podemos usar móveis para não atrapalhar a circulação, é uma saída. O uso de espelhos atrás dos quadros também é interessante para criar a sensação de amplitude. Para não furar os espelhos, uma saída são os adesivos.

Crédito da foto - Sidney Doll

Foto: Sidney Doll

Proporção

Antes de furar a parede é necessário pensar na proporção dos quadros para que se preze a organização. “Uma opção é o uso de moldes para testar o que fica ou não bonito. Para alinhar quadros de medidas diferentes, use um referencial: alinhe todos por cima ou por baixo”, indica a especialista.

Prioridade

Obras de arte de maior importância devem ocupar local de destaque, como o hall de entrada ou sala principal. Obras pequenas podem ser agrupadas em uma parede só.

Foto: Sidney Doll

Foto: Sidney Doll

Iluminação

Usar arandela sobre um quadro dá um efeito interessante. “O único cuidado é a escolha do tipo de lâmpada: se for quente pode estragar a pintura a óleo, por exemplo. Não é recomendável usar esse artifício nos casos de galerias com vários quadros, pois fica carregado demais”, finaliza Fernanda.

Cuidados

– Para que os quadros não marquem as paredes, coloque pedaços de cortiça no verso, nas extremidades inferiores;

– Fique atento a infiltrações ou mofo nas paredes, que podem danificar os quadros.

Matérias Relacionadas
6 dicas para decorar varandas e terraços com o estilo retrô
Vintage Homes: Pin-Up Marilia Skraba mostra sua casa retrô em nova série do UR
sofá de carro
Partes de carros antigos se transformam em móveis para decoração da casa
Confira 8 maneiras de decorar a casa no estilo retrô sem cair na mesmice

Deixe um comentário

quinze − 14 =