Home > Destaque > Dos anos 1920 à década de 1950, conheça a curiosa história da maquiagem

Dos anos 1920 à década de 1950, conheça a curiosa história da maquiagem

19 de setembro de 2016, por Jessica Silva
Moda

Atualmente a maquiagem é encontrada com muita facilidade em diversos comércios, com vários preços e uma infinidade de cores, formatos, finalidades e texturas. Mas nem sempre foi assim. A arte da maquiagem é mais antiga do que podemos imaginar; desde a pré-história encontramos indícios utilizados em rituais e cultos.

Mas, vamos correr um pouquinho no tempo e chegar mais próximo da época em que vivemos para contar um pouco dessa história. Nos anos 1920, a maquiagem se popularizou de vez através do cinema e as mulheres imitavam as grandes atrizes: sobrancelhas ultra finas, lábios em tons de vermelho-escuro desenhados em formato de coração e olhos escuros marcaram a época.

Foto: Reprodução

Anos 20 (Foto: Reprodução)

Na década de 1930, as cores entram com força. Temos novas tonalidades de pós e bases faciais, sombras cintilantes bem vivas e chamativas e o rosa aparece tanto nos lábios quanto nas bochechas. Cílios postiços e o côncavo mais marcado nascem nesse período.

Foto: Reprodução

Anos 30 (Foto: Reprodução)

Já os anos 1940 são marcados pela guerra e tudo mudou. Produtos para maquiagem ficaram escassos e em alguns países, teve a produção suspensa. Em virtude disso, os preços foram às alturas. Mas como as mulheres estavam saindo de suas casas para trabalhar por causa da guerra e queriam se sentir femininas, protestaram tanto que aos poucos os produtos foram voltando, principalmente o batom vermelho que era símbolo de patriotismo e elevava a auto estima.

Aqui vemos a sobrancelha levemente arqueada, porém mais natural, olhos marcados na linha dos cílios inferiores com lápis, geralmente marrom, cílios marcados somente na parte de cima e o blush ganha nova forma de aplicação: ao invés de ser marcado em círculos com antes, é levado levemente para a têmporas.

Foto: Reprodução

Anos 40 (Foto: Reprodução)

E chegamos aos anos 1950. Ah os anos 50. Marcado pelo sentimento de prosperidade e crescimento, o fim da guerra trouxe espaço para novidades, inclusive muitas marcas famosas hoje, iniciaram nesta época. Nunca as mulheres foram tão cobradas para permanecerem impecáveis em sua aparência, tanto dentro como fora de casa. As Pin-Ups também se popularizaram nesta década.

Novos produtos chegaram: lápis de contorno labial, corretivos, batons de longa duração e a técnica de contorno. Sim! Esta técnica não é tão nova. As mulheres contornavam o rosto com blush para diminuir o tamanho da testa e demarcar o maxilar. Batons vermelhos e olhos delineados em formato de gatinho ganharam destaque, para intensificar a sensualidade da mulher tão solicitada nesta década.

Anos 50 (Foto: Reprodução)

Anos 50 (Foto: Reprodução)

Afinal, a guerra havia acabado, os homens estavam voltando para suas casas – as mulheres também – e novos ventos estavam soprando a favor. A maquiagem revolucionou e vem revolucionando o mercado e a sociedade, criando profissionais e ditando tendências há muito tempo. Impactando no comportamento de mulheres e homens, essa arte não é só mais uma vaidade, pode ser sim utilizada como força de expressão.

Confira o recente vídeo do Universo Retrô sobre a história da maquiagem, para a série de lifestyle A Vida no Passado:

Matérias Relacionadas
Cosméticos
A origem dos cosméticos: saiba como surgiu e como eram feitos alguns dos itens mais usados para realçar a beleza
Besame Cosmetics
Besame Cosmetics: Linha de cosméticos se inspira na beleza feminina do início do século XX
Maquiadora
Profissão maquiadora: veja relatos de 5 garotas que têm a profissão como estilo de vida
Sephora e Pantone lançam coleção de maquiagem candy colors com cores do ano

Deixe um comentário

3 × 1 =