Home > Destaque > 5 brincadeiras de rua para lembrar e sentir saudades da infância

5 brincadeiras de rua para lembrar e sentir saudades da infância

1 de julho de 2015, por Daise Alves
Lifestyle

Hoje em dia, pouco se vê crianças brincando nas ruas, empinando pipa, jogando bola descalça no asfalto ou brincando de pega-pega sem medo de ser feliz. As crianças já nascem conectadas, sabem mexer em computadores, tablets e smarthphones, mas não têm essa sensibilidade da rua. Se você foi uma dessas crianças que adorava pular corda, jogar bola de gude e passa anel, com certeza vai gostar de lembrar desses momentos que foram tão felizes.

Amarelinha – O legal dessa brincadeira é que além de ser simples, pois só era preciso giz e uma pedrinha, usava os números de 0-10 (ótimo para as crianças que estavam aprendendo a contar). A brincadeira ainda fazia uma relação entre céu-inferno em que era preciso acertar a casa de todos os números para chegar no bom lugar.

brincadeira-de-criança-amarelinha

Pega-Pega – Uma das brincadeiras que mais deixavam as crianças cansadas, pois para vencer era preciso correr muito. Com duas pessoas já era possível brincar, mas quanto mais gente estivesse participando, melhor seria. Primeiro, alguém tinha que ser o pegador; para isso, as crianças costumavam usar o famoso “comigo não morreu”. Escolhido o pegador, seu objetivo era correr atrás das outras crianças. A primeira criança tocada tornava-se o próximo pegador.

brincadeira-de-criança-pega-pega

Cobra-Cega – Também conhecida como cabra-cega, a brincadeira era bem simples. Semelhante ao pega-pega, a única diferença é que dessa vez o pegador ficava de olhos vendados, o que aumentava o nível de dificuldade.

brincadeira-de-criança-cobra-cega

Queimada – O nome da brincadeira já assustava um pouco, principalmente as garotas que não queriam se machucar, pois poderia sair com pequenos machucados. O jogo era simples: dois times, de preferência com o número de pessoas iguais em cada lado e uma bola. O objetivo: “queimar” o jogador do outro time, ou seja, tentar acertar a bola no o maior número de adversários possível.

brincadeira-de-criança-queimada

Pular Elástico – Mais famosa entre as meninas, era necessário no mínimo 3 pessoas para iniciar a brincadeira, que era bem simples: duas crianças ficavam de frente uma para a outra, colocando o elástico inicialmente nos tornozelos; enquanto isso, a terceira criança tinha que pular, sem tropeçar.

brincadeira-de-criança-pular-eslástico

Ainda há muitos outras brincadeiras que fizeram parte da infância de muito gente, a lista é grande, e a saudade é imensa.

Matérias Relacionadas
10 coisas que você fez quando criança e provavelmente não lembra
Exposição “A Evolução do Videogame” leva mais de 40 anos de história para a Brasil Game Show
Casa das Rosas oferece oficina de Pipas para crianças e adultos em São Paulo

Deixe um comentário

cinco × quatro =