Home > Destaque > Conheça 12 Pin-Ups negras para seguir no Instagram e se inspirar

Conheça 12 Pin-Ups negras para seguir no Instagram e se inspirar

20 de junho de 2016, por Mirella Fonzar
Moda

É comum ouvirmos a descrição estereotipada de que Pin-Up é uma “mulher voluptuosa, de pele alva, batom vermelho e com uma postura sexy sem ser vulgar”. E com isso, muitos acabam replicando – erroneamente – a teoria de que uma modelo retrô só pode ter a pele branca e possuir um determinado padrão de corpo ou estilo.

Porém, tanto hoje, como ao longo da história, existiram modelos Pin-ups que provam que essa teoria da “pele alva” ou “corpo curvilínio” está errada e o estilo retrô pode ser mais inclusivo do que parece. Pensando nisso, selecionamos 12 Pin-Ups negras pra seguir no Instagram e se inspirar. Confira:

Angelique Noire

The Black Pin-Up ou Angelique Noire (foto acima) é uma das pin-ups mais famosas da atualidade. Modela há 15 anos e tem paixão pelo glamour da era de ouro de Hollywood. Já foi jurada do concurso Miss Pin-Up Viva Las Vegas e mantém um canal no youtube (ThePinupNoire – vídeo abaixo) com tutoriais de penteado vintage para cabelos afro. Seu Instagram também é de tirar o fôlego, siga: @theblackpinup

Ashley Brackins

Pin-Up, mamãe e apaixonada pela Disney, Ashley Brackins mora na California e já posou para várias marcas americanas do segmento retrô, como a Pin-Up Girl Clothing. Babe com seus looks no Instagram, especialmente os Tiki: @torchestogether_

Ashley (Foto: Reprodução)

Ashley (Foto: Reprodução)

Hollywood Harlot

Originária no centro-oeste americano, Hollywood Harlot não dispensa uma pose sensual. Em suas redes sociais é possível encontrar fotos em lingeries vintage e outros ensaios bastante interessantes. Não tem muitos seguidores, porém, o trabalho da americana vale ser acompanhado. Siga: @dirty.sexy.sweet

Hollywood Harlot (Foto: Reprodução)

Hollywood Harlot (Foto: Reprodução)

Miss Tammi Savoy

Cantora, mamãe, modelo Pin-up e amante do vintage. É assim que Tammi Savoy se descreve em suas redes sociais. Além de uma beleza estonteante, que estampa diversos ensaios retrô, Tammi é uma das Lovettes, backing vocals de Lance Lipinsky & the Lovers, banda de Chicago que investe no doo wop, rock ‘n roll e soul dos anos 50 e 60. Acompanhe seu Instagram: @miss_tammisavoy

Miss Tammi Savoy (Foto: Reprodução)

Miss Tammi Savoy (Foto: Reprodução)

Velvet Jones

Dançarina de neo-burlesco, modelo Pin-up e figurinista, Velvet Jones mora em Londres. Tanto suas performances (que podem ser visualizadas no Youtube), quanto seu estilo misturam o clássico com o moderno, alternando entre o cabelo Black Power e os penteados vintage. Siga: @velvet.jones

Velvet Jones (Foto: Reprodução)

Velvet Jones (Foto: Reprodução)

Bombshell Lola

Além de modelo Pin-Up e dançarina burlesca, Bombshell Lola é cantora de jazz e blues. Já apareceu em diversas revistas do segmento retrô e traz consigo um estilo de Pin-up mais moderno, com longos cabelos crespos, geralmente usados de maneira natural em suas fotos. Confirma mais sobre seu trabalho no Instagram @l_the_bombshell

Bombshell Lola (Foto: Reprodução)

Bombshell Lola (Foto: Reprodução)

Giselle La Pompe-Moore

Cordenadora de beleza na Stylist Magazine em Londres, além de linda, Giselle tem um estilo vintage inspirado na alta costura dos anos 40 e 50 maravilhoso. Vale a pena ficar de olho em seu Instagram: @gisellelpm 

Giselle (Foto: Reprodução)

Giselle (Foto: Reprodução)

Jenny Rieu

Jenny Eloise Rieu é uma atriz e modelo plus size francesa, que mudou para Los Angeles para estudar artes cênicas na American Academy of Dramatic Arts of New York. Já posou para a Pin-Up Girl Clothing e protagonizou o musical Lady In Red. Acompanhe seu trabalho pelo Instagram: @JennyRieu

Jenny Rieu (Foto: Reprodução)

Jenny Rieu (Foto: Reprodução)

Nicole Nightingale

Como ela mesma se autodenomina, Nicole é uma Pin-up Girl do Centro-Oeste americano, uma garota simples e de sorriso marcante. A bela participou do Miss Viva Las Vegas 2016 e costuma publicar fotos que abusam da sensualidade em lingeries e estampas animal print. Ela não é muito popular nas redes sociais, mas vale o follow: @nicolenightingale77

Nicole Nightigale

Nicole Nightigale (Foto: Reprodução)

Nanne Ahadi

Regianne, mais conhecida como Nanne Ahadi, é modelo e flerta com o vintage o tempo todo. Adora garimpar em brechós e mantém um estilo próprio que mistura influências africanas, Pin-Up e street. Não dispensa um batom escuro e olho de gatinho e há alguns anos resolveu assumir o cabelo black power. A bela representa o mês da Consciência Negra no Calendário de Pin-ups 2016 do Universo Retrô, num ensaio inspirado nas divas do jazz, produzido pelo Be a Bombshell. Siga: @regianneahadi

Foto: Marcello Garcia

Foto: Marcello Garcia

Cherry Cris

Idealizadora do blog Cherry Cris, Crislaine Alves é uma das representantes brasileiras da beleza negra no mundo Pin-Up. Ela mantém também um canal no Youtube com dicas de moda e lifestyle retrô, além de postar seus looks no Instagram. Siga: @cherrycrisoficial

Crislaine Alves (Foto: Reprodução)

Crislaine Alves (Foto: Reprodução)

Miss Black Divine

Dona da marca afro DaPreta e segundo lugar no Miss Pin-Up The Sailor de 2015, Paula Renata ou Miss Black Divine já posou para marcas retrô e ensaios fotográficos variados. O cabelo Black Power é uma das marcas registradas da estudante de moda brasileira. Siga: @paula.renatass

Paula Renata (Foto: Reprodução)

Paula Renata (Foto: Reprodução)

Matérias Relacionadas
Joe Louis
Festival BB Seguridade de Blues e Jazz chega a São Paulo no dia 1 de julho em evento gratuito
Samsung Blues Festival
Samsung Blues Festival mantém viva a energia do blues no Teatro Opus
Blues
Samsung promove ‘Mostra Blues’ e prepara a cidade para imersão no universo desse gênero musical
Fotógrafo Sérgio Poroger ilustra Rota do Blues em livro e exposição em Brasília

2 Responses

  1. Gabriela

    Obrigada por essa matéria!

    Não aguento mais ler por aí que pin ups precisam ter uma pele de porcelana. A própria Bettie Page, tão icônica e maravilhosa, diz em seu documentário que tomava um solzinho diariamente para ganhar cor. Não precisamos nos parecer todas iguais.

    Viva a melanina!

Deixe um comentário

19 − 1 =