Home > Destaque > Cultura Pop – 5 motivos que provam que voltamos aos anos 90

Cultura Pop – 5 motivos que provam que voltamos aos anos 90

14 de abril de 2017, por Lucas Vieira
Lifestyle
Tamagochi

A inflação voltou a ser tema de muitas manchetes de jornal, vemos jardineiras nas vitrines das lojas de roupas, o chocolate Surpresa voltou nessa páscoa com a saudosa coleção de cards de dinossauros e Maurício de Souza anunciou a volta do chocolate Turma da Mônica. Além desses quatro motivos, entre tantos outros, trazemos para vocês uma lista que provam que a cultura pop está nos levando de volta aos anos 90. Então não se surpreenda se ligar a TV no domingo e der de cara com a banheira do Gugu ou se a conta de telefone vier alta porque o seu filho fez várias ligações para o Hugo Game!

1 – “Bichinho Virtual” – O Tamagotchi está sendo relançado pela Bandai

Bichinho Virtual

Bichinho Virtual (Foto: Reprodução)

A Bandai resolveu lançar uma versão comemorativa dos 20 anos da febre dos “bichinhos virtuais”. O joguinho que consistia em cuidar de um monstrinho virtual como um bicho de estimação (alimentar, dar banho, por pra dormir, entreter) foi lançado em novembro de 1996 no Japão e em outros países no ano seguinte. Com design idêntico ao Tamagotchi clássico, o lançamento tem tamanho menor e seis cores disponíveis (três tons de azul, branco, laranja e rosa). Com preço aproximado de R$58, por enquanto o pet virtual só está disponível na Amazon do Japão e sem previsão de lançamento mundial.

2 – Hora de morfar! – Os Power Rangers de volta ao cinema

Power Rangers

Power Rangers (Foto: Reprodução)

A história dos cinco jovens da Alameda dos Anjos que recebem superpoderes para combater o mal foi grande sucesso em sua estreia nos Estados Unidos, em 1993. A fórmula era sempre a mesma: os Rangers, com poderes inspirados em animais, enfrentavam os monstros da malvada Rita Repulsa. Quando eram derrotados, a vilã fazia suas criaturas aumentarem de tamanho e os heróis contavam com ajuda do seu robô gigante, o Megazord, para vencer a segunda batalha.

Em março estreou um filme baseado na primeira temporada da série, que era exibida na TV Colosso. O remake tem estética bastante diferente da série original e dividiu críticas – que concordam que o filme não é uma obra-prima. Com diversos brinquedos, roupas e até um gibi novo, os Power Rangers originais voltaram à tona quase 24 anos depois de sua estreia. Ficou faltando para o lançamento brasileiro uma regravação da música do Sandy e Júnior para integrar a trilha sonora.

O cinema está trazendo de volta também outros filmes dos anos 1990. A Bela e A Fera, Jurassic Park, It! e Ghost In The Shell (que teve uma animação adaptada do mangá em 1995) são outras “velhidades” a pintar nas telas.

3 – SEGA! – O Mega Drive está sendo relançado pela Tec Toy (mais uma vez)

SEEGA

SEGA (Foto: Reprodução)

Já abordado aqui em outra matéria, o console da Sega está voltando às prateleiras em 2017. Com o design clássico, quase idêntico ao modelo original, o 16 bits volta com entrada para cartão SD, para o jogador incluir games baixados da internet, com o slot de cartuchos que estava sumido há alguns anos e com o controle de três botões.

Alvo de muitas reclamações nas redes sociais, por não atender critérios dos fãs, o retorno do videogame que consagrou clássicos como Streets Of Rage, Golden Axe e Sonic é o grande lançamento do ano para os retro gamers brasileiros. A Tec Toy disponibilizou para os que compraram o Mega Drive em pré-venda uma opção de inserir gratuitamente a frase “Feito para:” e mais 15 caracteres, possibilitando ao consumidor inserir seu nome no console. Além disso, também foi prometida uma caixa semelhante a original e há a possibilidade da volta de fabricação de cartuchos.

4 – “Oi, eu sou o Goku!” – A Saga Z ganha novos episódios em Dragon Ball Super

Saga Z

A Saga Z ganha novos episódios em Dragon Ball Super (Foto: Reprodução)

Super tem a feliz ideia de ser uma nova série de Dragon Ball e que não é a continuação da saga GT. Os episódios se passam logo após o penúltimo episódio da fase Z, que teve seu final em 1996. A nova história começa meses após a derrota de Majin Boo. Goku está trabalhando como agricultor e, para variar, surge uma nova ameaça: Bills, um gato humanóide que é a criatura mais poderosa do Universo 7.

Ao desafiar a Terra, leva o protagonista a um novo nível de poder: O Super Sayajin Deus. O vilão já havia sido introduzido no filme Dragon Ball Z: A Batalha dos Deuses, lançado em 2013. Já com 85 episódios, DBZ Super é uma chuva de nostalgia e, ao mesmo tempo, novidades – como os últimos anos têm sido na cultura Pop. Um prato cheio para quem sente saudades de ver as lutas dos guerreiros Z na Band Kids e na TV Globinho.

5 – Pokemaníacos de todo o mundo, uni-vos – A volta da “Pokémania” com Pokémon Go e novo filme

 Pokémon

Pokémon (Foto: Reprodução)

Em 2016, Pokémon Go surgiu com toda a força nos celulares. Porém, deixando a desejar em vários pontos e demorando a lançar novidades, poucos usuários se mantiveram jogando o aplicativo que utiliza realidade aumentada. Mesmo com novas criaturinhas entrando em 2017, o jogo não voltou com força, mas trouxe a febre da franquia de volta e entrou no conhecimento da nova geração.

No dia 7 de abril chegou no YouTube o trailer do próximo filme de Pokémon, que será lançado em Julho, com título que provavelmente será traduzido como “Pokémon, Eu Escolho Você – O Filme” – mesmo título do primeiro episódio do anime, lançado no Japão em 1997 e exibido por aqui no Programa da Eliana. Será a história de como Ash e Pikachu se conheceram de forma recontada. Haverá mudanças, como a aparição dos monstrinhos das novas gerações. É uma medida para aproximar os novos fãs, porém não deixa de causar estranheza, já que esses Pokémon não existem em Kanto, onde se passa a história.

Matérias Relacionadas
Atari
Atari volta ao Brasil com versão retrô; o novo modelo é lançado pela Tectoy
Power Rangers C&A
Os anos 90 estão de volta: C&A lança coleção de camisetas inspirada nos Power Rangers
Mega Drive
10 jogos essenciais para curtir a volta do Mega Drive