Home > Destaque > Torta Marta Rocha: Aprenda a preparar receita inspirada na Miss Brasil 1954

Torta Marta Rocha: Aprenda a preparar receita inspirada na Miss Brasil 1954

30 de julho de 2015, por Ana Marisa Fonzar
Lifestyle
torta marta rocha

A Miss Brasil mais famosa de todos os tempos ganhou também seu título na doçaria brasileira. Martha Rocha, a rainha da beleza de 1954, foi homenageada com uma torta que se tornou um clássico da confeitaria – a Torta Marta Rocha.

Apesar da Miss ser baiana, foi na Região Sul do país, mais precisamente em Curitiba, Paraná, que Dona Dair da Costa Terzado criou em sua confeitaria uma receita em homenagem à icônica Martha Rocha.

Miss Marta Rocha, em 1954

Miss Marta Rocha, em 1954 (Fotos: Reprodução)

Trata-se de um bolo com várias camadas de recheio entre massas de pão-de-ló branco e de chocolate, como creme de gemas, crocante de nozes, geleia de damascos ou ameixas, coberto e decorado com chantilly e fios de ovos. Mas entre essas camadas existe uma que tem um significado especial.

Um disco de merengue que dá maior altura do que os demais bolos, representando as duas polegadas a mais pelas quais a Miss Brasil não ganhou o concurso de Miss Universo nos Estados Unidos, naquele ano.

A bela Marta

A bela Marta, que por pouco não levou o título de Miss Universo (Foto: Reprodução)

Martha ficou em segundo lugar e diz a lenda que a perda do título para a americana Miriam Stevenson, se deveu às duas polegadas a mais que tinha nos quadris. Mesmo assim, se tornou referência nacional de beleza.

Afirma-se que a história das duas polegadas foi uma invenção do jornalista João Martins, da Revista “O Cruzeiro”, no Rio de Janeiro, para consolar os brasileiros que criaram muitas expectativas de que a nossa miss ganharia o título. A própria Martha autorizou a versão, conforme consta de sua autobiografia.

Miss Marta Rocha

A Miss foi capa de diversas revistas importantes da época (Foto: Reprodução)

Dona Dair, a proprietária da Confeitaria das Famílias em Curitiba, confirma que se inspirou na pele branquinha de Martha Rocha, nos seus cabelos cacheados e nos belos olhos azuis para criar a torta que virou o carro-chefe da casa. Desde 1954, nenhum doce superou essa criação gastronômica.

Ironicamente Martha Rocha ficou mais famosa pelo seu segundo lugar do que outras misses que ganharam o título de Miss Universo. Polegadas e discos de merengues à parte, vamos conhecer e nos deliciar com a receita dessa inacreditável torta.

TORTA MARTA ROCHA

Torta Marta Rocha

Torta Marta Rocha (Foto: Reprodução)

INGREDIENTES:

Massa do bolo:

7 ovos (gemas e claras separadas)
1 xícara (chá) de açúcar (180g)
1 xícara (chá) de farinha de trigo (150g)
3 colheres (sopa) de chocolate em pó

Creme de gemas:

6 gemas
2 colheres (sopa) de maisena
1 xícara (chá) de água
½ xícara (chá) de leite
1 colher (sopa) de manteiga

Suspiro:

2 xícaras (chá) de açúcar
3 claras

Crocante de Nozes:

1 xícara (chá) de nozes picadas
1 xícara (chá) de açúcar

Para passar:

1/3 xícara (chá) de geléia de damasco ou ameixa

Para decorar:

Fios de ovos (compra-se pronto)

Creme chantilly:

½ litro de creme de leite fresco
4 colheres (sopa) de açúcar
MODO DE PREPARO:

Massa do bolo:

Bata as claras em neve até obter picos firmes. Acrescente as gemas, uma a uma, depois o açúcar batendo por uns 5 minutos. Peneire a farinha de trigo sobre a massa e mexa delicadamente. Divida a massa em 2 partes. Numa parte acrescente o chocolate e misture. Coloque as massas em formas de 25 cm de diâmetro, untadas e forradas com papel manteiga também untado. Asse em forno pre-aquecido (200°) por uns 30 minutos. Deixe descansar por 10 minutos, desenforme e deixe esfriar.

Creme de gemas:

Misture s gemas com o açúcar e a maisena. Leve o leite e a água ao fogo numa panela para aquecer. Quando começar a ferver, junte um pouco à mistura de gemas, misture rapidamente e leve tudo junto à panela com leite, mexendo sempre até engrossar. Retire do fogo, junte a manteiga e reserve.

Suspiro:

Bata as claras em neve e acrescente aos poucos o açúcar, batndo por uns 10 minutos, até formar um suspiro bem firme. Sobre o fundo de uma forma (também de 25 cm de diâmetro) forrada com papel manteiga e untada, espalhe o suspiro com o auxílio de uma espátula ou saco de confeitar. Asse em forno (100°) por 1 hora com a porta entreaberta.

Creme chantilly:

Leve o creme de leite bem gelado com o açúcar à batedeira, em velocidade baixa e depois aumente até engrossar, desligando imediatamente (cuidado para não passar do ponto).

Crocante de nozes:

Leve o açúcar ao fogo, mexendo até obter um caramelo. Junte as nozes picadas, misture e retire do fogo. Despeje sobre uma superfície untada com manteiga, espalhe e deixe esfriar. Depois de frio, trirure em pedacinhos.

MONTAGEM DO BOLO (CAMADAS):
1ª Bolo de chocolate
2ª Creme de gemas
3ª Crocante de nozes
4ª Suspiro
5ª Metade do creme chantilly
6ª Bolo branco
7ª Geléia de damasco ou ameixa
Cubra finalmente a torta com o restante do creme chantilly, coloque por cima os fios de ovos e decore com cerejas ou damascos.

Matérias Relacionadas
Misses
Desvendando a emoção de ser Miss Pin-Up: Misses contam como é a sensação de receber a faixa
Novo projeto busca eleger representante da beleza vintage em São Paulo
Megan Massacre
Tattoo Week SP: Começa a 5º edição da maior convenção de tatuagens da América Latina
Yeda Martins Vargas como Miss Universo
Conheça a história do Miss Brasil e veja as 6 misses brasileiras mais famosas

4 Responses

  1. Cleonice

    Oi Ana,obrigada por essa informação.Sabe estava tentando descobrir de fato qual era a forma correta de fazer a torta Marta Rocha.Finalmente descobri.Obrigada de novo.

    1. Ana Marisa

      Que bom Cleonice, quando você fizer poderia nos mandar a foto? Pode ser na fan page do Universo Retrô mesmo, gostariamos de publicá-la.
      Um beijão, obrigada
      Ana

  2. Pedro Jungbluth

    Fui esses dias na Confeitaria das Famílias onde inventaram a Torta.
    Minha mãe é confeiteira e por anos saboreei essa torta de ameixa, suspiro e fios de ovos.
    Porém me serviram outra coisa: uma turma de massa de nozes, recheio de ovos e cobertura de nata e nozes.
    Perguntei sobre isso e me disseram “essa é a original.”
    Achei super estranho, ainda que era uma torta seca e de pouco recheio e sabor.

  3. Name*Cristianne

    Olá Ana Marisa!
    Adorei a receita e fiz para o aniversário de uma colega de trabalho aqui onde vivo em Munique.
    Todos adoraram! Um espetáculo mesmo! Usei a foto como modelo e todos adoraram!!!!
    Muito obrigada mesmo! C.B.

Deixe um comentário

um × 3 =