Home > Design > O centenário de Bob Kane, roteirista e desenhista que criou o Batman

O centenário de Bob Kane, roteirista e desenhista que criou o Batman

23 de outubro de 2015, por Grillo HQ
Design

Em 24 de outubro de 1915, nos Estados Unidos, nascia Bob Kane, o grande roteirista e desenhista de histórias em quadrinhos que, juntamente com Bill Finger, foi responsável pela criação de um dos super-heróis mais famosos de todos os tempos: o Batman.

Seu nome de batismo era Robet Kahn e, desde a infância, sempre gostou de desenhar. Com isso, seus pais o apoiaram desde pequeno, o que fez com que, aos 16 anos, Robert fizesse suas próprias histórias em quadrinhos e as vendesse.

Bob Kane

Bob Kane (Foto: Reprodução)

Aos 18 anos iniciou sua carreira em algumas editoras da época e estudou em diversas escolas e estúdios. Nesta mesma época, para reforçar seu nome artístico, Robert foi à justiça e mudou legalmente seu nome para Bob Kane.

Em 1939, após o imenso sucesso que fez o Superman no ano anterior, Bob apresentou a National Comics (Atual DC Comics), onde trabalhava na época, sua criação: Bat-Man (inicialmente com hífen, retirado em seguida). O personagem tinha as cores semelhantes às do Superman, com uma máscara nos olhos ao invés do gorro completo, com asas rígidas e sem as luvas.

Porém, inspirado em vários heróis que faziam sucesso nos anos 30, como Zorro, O Fantasma e O Sombra, Bill Finger, considerado co-criador do Batman, ajudou a modificar o homem-morcego junto com Bob Kane, eliminando as cores vibrantes, colocando o capuz, as luvas e a capa preta, dentre várias características do personagem, o que fez do homem-morcego um dos maiores sucessos da história das histórias em quadrinhos.

Vale citar também um filme que serviu de inspiração para o personagem, chamado “O Morcego” de 1926. Naquele mesmo ano e nos seguintes, com o estrondoso sucesso do Batman, Bob contratou artistas para trabalharem em seu personagem, que contribuíram para a criação de seus “Bat” equipamentos, como o Batarangue e o Batmóvel.

Bill The Boy Wonder

Página do quadrinho Bill The Boy Wonder. A cena recria o momento em que Bob Kane criou o Batman. (Foto: Reprodução)

Em 1940, Bob Kane e Bill Finger imaginaram que, por o Batman seu um super-herói mais sombrio, um detetive sério, precisavam de um personagem que cativasse mais o público infantil, então, inspirados em Robin Hood, criaram o mais famoso “parceiro” de super-heróis, o Robin, que foi apresentado na revista Detective Comics n°38 (Abril de 1940).

Nesta mesma época e com o crescente sucesso do Batman, inspirados em um antigo filme chamado “O Homem que Ri” de 1926 também criaram um dos grandes responsáveis pelo sucesso do Batman que perdura até hoje, o seu arquiinimigo: O Coringa.

bobkane

Batman e Coringa by Bob Kane (Foto: Reprodução)

Bob Kane coleciona algumas polêmicas ao longo de sua trajetória artística com o Batman, envolvendo direitos sobre personagens criados por artistas que trabalhavam para ele, como o Pinguim e com o próprio Bill Finger, que injustamente não é reconhecido tanto quanto Bob na criação deste ícone dos quadrinhos. Só na década de 70 é que outros criadores e artistas começaram a levar o crédito por suas criações.

Em 1965 foi para Hollywood contribuir com a tão famosa série do Batman, interpretado ator Adam West, outro imenso sucesso envolvendo o Batman com a mão de Bob Kane nele. A série dispensa comentários, marcou toda uma geração e até hoje é lembrada, inclusive pelos mais jovens que curtem toda essa cultura retrô, os anos 60 e cultura pop.

Entre diversos outros trabalhos envolvendo o personagem ao longo dos anos seguintes, Bob ainda teve participação nos 3 primeiros filmes do Batman: “Batman”, “Batman – O Retorno” e “Batman Eternamente”.

O Batman de Michael Keaton e Bob Kane

O Batman de Michael Keaton e Bob Kane (Foto: Reprodução)

O artista faleceu em 3 de novembro de 1998 por causas naturais. À beira de seu centenário foi prestigiado com seu nome na calçada da fama de Hollywood, neste dia 21 de outubro de 2015. Sua importância para o universo das histórias em quadrinhos é imensurável e o legado de sua co-criação com Bill Finger, o Batman, imortaliza seu nome e nos mostra , mais uma vez, como uma ideia pode ganhar o mundo.

Extra do Grillo: O Marvel VS DC da vida Real. Em entrevista, Stan Lee diz que gostaria que seu amigo Bob Kane visse o sucesso da Marvel no cinema, para descontar as provocações de Bob quando a DC era muito maior que a Marvel neste meio. Confira o vídeo da entrevista:

Matérias Relacionadas
HQ 3 Crânios
HQ de terror será lançada em Barbearia tradicional de São Paulo
Itubaína Batman
Em ação de Marketing, Itubaína traz Planeta Diário para São Paulo
Havaianas Mulher-Maravilha
Havaianas lança sandália da Mulher-Maravilha, com dois modelos inspirados na heroína da DC Comics
Mary Up
Mary Up: Ilustrador lança trabalho autoral com fotos e quadrinhos inspirado em pin-ups reais

Deixe um comentário

20 + catorze =