Home > Destaque > Era Espacial: Saiba mais sobre a origem deste movimento que influenciou uma década inteira

Era Espacial: Saiba mais sobre a origem deste movimento que influenciou uma década inteira

12 de julho de 2018, por Leila Benedetti
Lifestyle
Homem na Lua

Há quem se engana que a Era Espacial surgiu na segunda metade da década de 1960 e influenciou apenas a moda com as criações do estilista Andre Courrèges e Paco Rabanne. Na verdade, a moda naquela época, assim como a decoração e outros ramos, ganhou a influência de uma era que já estava em vigor havia alguns anos antes.

Tudo começou em 1957, mais precisamente no dia 4 de outubro daquele ano, quando a União Soviética lançou o primeiro satélite artificial da Terra, o Sputnik l, em comemoração ao Ano Internacional da Geofísica. O satélite era uma esfera metálica que pesava aproximadamente 83 kg e orbitou o nosso planeta produzindo sons de bipe por 22 dias até suas baterias acabarem. Sua única função era transmitir sinais de rádio-amador e era possível ouvir seus bipes durante a comunicação.

Sputnik l

O satélite Sputnik l foi lançado pela União Soviética em 1957, pesava em torno de 83 kg e orbitou a Terra por 22 dias até o fim de sua bateria (Foto: Ansa/ Ansa Brasil)

O lançamento do Sputnik l foi tão bem sucedida e tão bem comentada pela mídia internacional que acabou valorizando a União Soviética e seu regime comunista, contrariando os Estados Unidos, cujo regime era capitalista e estavam sempre em primeiro lugar em praticamente todos os quesitos. Então, surgiu uma competição entre os Estados Unidos e a União Soviética, que já estavam em guerra com a Guerra Fria, chamada Corrida Espacial, no qual os dois governos lançavam satélites cada vez mais poderosos.

satélite Explorer

Para fazer concorrência com o lançamento do satélite Sputnik l pela União Soviética, os
Estados Unidos lançaram o satélite Explorer l no espaço em 1958. (Foto: Domínio Público/NASA)

A disputa pela fama de país com mais avanços tecnológicos foi saindo do controle, demonstrando a ganância e a maldade típica dos seres humanos. Os Estados Unidos fundaram a NASA (National Aeronautics and Space Administration), e tanto o governo americano, quanto o soviético passaram a lançar pessoas, e inclusive, animais no espaço, causando várias mortes brutais por falhas nos experimentos. A Corrida Espacial só terminou em 1969 quando os astronautas norte-americanos, Neil Armstrong e Edwin Aldrin, pisaram na Lua e voltaram vivos para a Terra, vencendo a disputa contra a União Soviética.

Spunik I

Spunik I

A Corrida Espacial foi acompanhada pela imprensa mundial, e todos os astronautas e cosmonautas (nome dado aos astronautas soviéticos), seja os que sobreviveram ou não aos experimentos, eram vistos como heróis por toda a população, especialmente pela população de seus países de origem.

Por conta da repercussão, a moda, a decoração, a música, os filmes, as séries e os desenhos animados ganharam detalhes futuristas e cósmicas ao longo da década de 1960, tornando a disputa uma era, a Era Espacial que, inclusive, despertou nas crianças o sonho de trabalhar como astronauta na vida adulta. Até hoje essa era é lembrada, podemos ver a sua homenagem em reprises de produções audiovisuais como Os Jetsons, Star Trek e Barbarella, na identidade visual do site Universo Retrô, artigos geek, como games e HQs, e pôsteres lançados pela NASA.

Matérias Relacionadas
Bota Branca
Botas brancas: clássico dos anos 60 volta com tudo nesse inverno
Barbarella
Como a era espacial influenciou no figurino de Barbarella
Cardin
A influência da ‘corrida espacial’ no mundo da moda
André Courrèges
André Courrèges e a moda libertária e futurista dos anos 1960

Deixe um comentário

dezesseis + três =