Home > Lifestyle > Sucesso nos anos 1990, jogos de cartas e tabuleiro para computadores estão de volta

Sucesso nos anos 1990, jogos de cartas e tabuleiro para computadores estão de volta

6 de abril de 2019, por Jane Galaxie
Lifestyle

Os anos 1990 ficaram marcados por ser o início da internet no Brasil. A influência desta tecnologia no dia a dia ainda não era grande, mas muita gente já utilizava seus computadores para jogos offline, como jogos de carta ou de tabuleiro. Atualmente, após o crescimento absurdo das redes sociais e do web, esses tradicionais jogos voltaram a ganhar espaço online, seja no Brasil ou então ao redor do mundo. Com diferentes alternativas, retrô ou novas, as cartas e os tabuleiros estão mais variados do que nunca.

É impossível não lembrar na época que os computadores ainda ganhavam as casas das pessoas. Elas ainda passavam grande parte do tempo na rua, nas praças ou parques, jogando baralho ou então trocando cartas colecionáveis. Enquanto isso, quem já tinha um computador com Windows, acabava ficando mais em casa desbravando a nova tecnologia. Poderia muito bem jogar campo minado, xadrez ou então dois jogos de cartas que se popularizaram, Copas e Paciência. O que poucos esperavam é que os computadores iriam ser responsáveis não por acabar com esses jogos, mas sim por ressuscitar alguns deles.

Pokémon Estampas Ilustradas foi um sucesso no Brasil, durante os anos 90 e 2000, mas não ficou parado no tempo. Com um site próprio e uma plataforma, o jogo ainda consegue atingir números impressionantes. Em 2016, a empresa distribuiu quase 22
bilhões de cartas ao redor do mundo, segundos dados oficiais. A Pokémon Company, responsável pelo jogo, utiliza a internet como forma de divulgação.

A volta do jogo pode ser explicada pelo recente sucesso de Hearthstone, da Blizzard. O game de cartas temáticas online, que tem como tema o universo da produtora, é um sucesso com o público. Segundo dados disponíveis pela Statista, a empresa contabiliza cerca de 70 milhões de jogadores, gerando um lucro de quase 400 milhões de dólares. Números que superam muitos games de sucesso do mercado.

Outro exemplo tradicional, e que se tornou um gigante sucesso comercial, é Magic: The Gathering. Com mais de 25 anos de história, esse jogo de cartas colecionáveis sempre teve fãs assíduos. Em 2015, Magic tinha uma base de 20 milhões de jogadores ativos. A internet foi uma das responsáveis por isso – uma parceria realizada entre as empresas Hasbro e a Wizards of the Coast rendeu a criação da MTG Arena. É uma plataforma online para jogar campeonatos e partidas oficiais de Magic.

Jogos tradicionais ganham mais versões online

A internet também deu espaço para jogos de cartas mais tradicionais. O jogo Uno, por exemplo, é bastante popular no Brasil. Logo, as cartas coloridas não demoraram para ganhar a internet. A produtora Ubisoft, uma gigante do ramo de games, investiu em uma plataforma onde é possível jogar em rede. O Uno Online está disponível não apenas para computador, mas também em diferentes consoles da nova geração e smartphones ou tablets.

Porém, são em jogos como pôquer, blackjack e bacará que as plataformas online mais ganham adeptos e jogadores. Atualmente, no Brasil, cerca de oito milhões de usuários jogam pôquer online. Ou seja, um número alto para um país com pouca tradição no ramo. Uma das vantagens de adaptar estes jogos online é a possibilidade de criar diversas variantes.   oferece mais de 26 jogos de Vinte e Um, como Atlantic City Blackjack e até blackjack ao vivo com um verdadeiro crupiê e transmissão de vídeo em tempo real.

Cartas na mesa e nas festas

Algumas pessoas não gostam da ideia de trazer os jogos de cartas e tabuleiros para a internet. Mas, nem por isso deixam de jogar. Com o crescimento online, as pessoas também fizeram voltar ao mundo real essas opções de entretenimento. Alguns jogos de cartas recuperam o espaço perdido, e a tradição, em festas, por exemplo.

Um sucesso recente aconteceu com Cartas Contra a Humanidade. É um jogo satírico onde as pessoas precisam completar, ou criar declarações polêmicas nas cartas. A ideia fez tanto sucesso que ganhou diferentes temas, como Trump Contra a Humanidade ou
qualquer situação atual. Virou um item necessário em qualquer festa, para socializar e fazer conhecer um ao outro.

Outros jogos deste mesmo estilo já fazem sucesso ao redor do mundo, apesar de ainda estarem chegando aos poucos no Brasil. É o caso Sleep in a Bucket, onde as pessoas tiram cartas que oferecem cenários absurdos. O objetivo é que elas escolham um dos cenários, façam algum tipo de demonstração e conversem sobre isso. Dessa forma, as pessoas conseguem conhecer as opiniões dos amigos e envolvidos no jogo, sobre todo tipo de tema.

Os jogos de cartas sempre foram os favoritos, desde antes dos anos 90, para qualquer tipo de ocasião. Mesmo com a chegada da internet, e também das redes sociais, esses jogos mostram força para que as pessoas continuem com esse tipo de entretenimento retrô. Afinal, são jogos assim que nos fazem lembrar antigamente e também curtir o tempo com mais calma, sem a velocidade dos dias atuais.

Deixe um comentário

doze + 5 =