Home > Destaque > Gia RedHot: Idealizadora do projeto The Pinup Project é a Pin-Up do Mês; confira

Gia RedHot: Idealizadora do projeto The Pinup Project é a Pin-Up do Mês; confira

1 de maio de 2018, por Daise Alves
Moda
Pinup Gia RedHot

Iniciamos maio destacando a Pin-Up do Mês Karla Stevanatto, também conhecida como Gia RedHot. Uma pin-up apaixonada pelas décadas de 40 e 50, que adora produzir looks coloridos e alegres, idealizadora do projeto fotográfico The Pinup Project e também responsável pela produção e por elaborar os cabelos vintage de suas clientes.

Fotografada por Zal Photographer, atual fotógrafa do seu projeto, no The Clock Rock Bar, tradicional casa anos 50 de São Paulo, a bela do mês traz suas inspirações tiki para um editorial cheio de poder! Confira:

Universo Retrô – Em 2013, você fez aula de dança para dançar rockabilly. Acredita que esse foi o passo inicial para você entrar de cabeça na cultura retrô?

Gia RedHot – Totalmente! Sempre fui apaixonada pela música da época e uma coisa foi puxando a outra. Via sempre meninas com vestidos e penteados lindos, e aos poucos fui adotando tudo isso ao meu estilo.

Pinup

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Os anos 40 e 50 são suas décadas preferidas. O que essas décadas têm de tão mágico que te cativa?

Gia RedHot – Sou apaixonada pelo período Segunda Guerra Mundial, não só pelo contexto histórico em que as mulheres saíram de suas casas para ir às fábricas, mas foi marcado por uma verdadeira revolução no guarda-roupa. Vestidos em A, calças de cintura alta, peep toes e camisas com laço na gola são meus favoritos.

E os anos 50 é meu queridinho por ter a silhueta bem definida, saias rodadas, penteados exuberantes… era muita feminino! Sair de casa era um verdadeiro evento.

Pinup

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Você é idealizadora do projeto fotográfico The Pinup Project. Como surgiu a ideia em criar esse projeto?

Gia RedHot – O projeto surgiu com a ideia de transportar todo o conhecimento adquirido durante os anos como pin-up através de ensaios fotográficos. Para o meio, os calendários e ensaios são uma maneira de eternizar um momento muito particular e muitas mulheres nos procuram como uma forma de aumentar sua autoestima, já que o estilo e a temática pin-up é cheia de sensualidade e atitude.

Pinup Style

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Dentro do projeto você tem 1.001 funções. Administra, faz social media, cabelo, maquiagem, produção. Dentro todas as suas atividades, qual você mais gosta de fazer e qual dá mais trabalho?

Gia RedHot – Meu perfil profissional é multitarefa, então já estou acostumada a cuidar de tudo! Dentre todas elas, a que eu mais me apaixonei com o tempo foi fazer penteados, que era algo totalmente fora da minha vertente criativa (sou designer gráfico), mas cada dia mais aprendo sobre. É uma alegria enorme proporcionar às mulheres este momento único de transformação e me traz muita realização pessoal.

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Os ensaios retrô tem crescido bastante no Brasil. Como você enxerga esse mercado atualmente?

Gia RedHot – O mercado brasileiro é cheio de oportunidades e pessoas boas que só estão esperando para serem descobertas. O brasileiro tem esse pensamento criativo e empreendedor de forma natural, mas o que difere cada projeto de um outro é o carinho e cuidado nos detalhes, o que acredito que somente pessoas do meio tem, porque estão totalmente em contato com o tema. Ser original e estratégico é essencial para se manter ativo!

Garota Pinup

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Qual foi a inspiração para realizar esse ensaio no The Clock publicado no Universo Retrô?

Gia RedHot – Para este ensaio, queria aproveitar da luz mais escura do The Clock e a técnica incrível de iluminação que o Zal tem (ele atualmente fotografa para The Pinup Project) para ousar na atitude. A atmosfera do ensaio vai mudando conforme os looks são trocados.

Minha inspiração foi no tiki, que foi uma tendência muito forte no fim dos anos 40 até os anos 60, pouco explorada aqui e psychobilly, que abusa de estampas animais e couro.

Ah, falei bastante do estilo tiki aqui no Universo Retrô! Vocês podem ver a matéria aqui.

Pin-Up Brasileira

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Seus looks sempre são cheios de cores e alegria. Qual a motivação para compô-los?

Gia RedHot – Por mais que eu ame o frio, estamos em um país tropical que tem sol de sobra. Compor looks que reflitam essa energia tão boa acaba resultando em alegria. Não tem lugar que eu vá onde não seja parada e perguntem de onde são minhas roupas. Faço garimpos em lojas comuns, compro em brechós e mando fazer roupas para ocasiões especiais.

Gia RedHot

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Além do projeto e dos seus looks diários, como o retrô está inserido em sua vida?

Gia RedHot – O retrô está inserido em forma de inspirações para meu trabalho e uso muita coisa de referência para meu dia a dia como criativa. Para onde olho, tudo tem história. Neste meio, aprendemos a respeitar o valor das coisas, não necessariamente o preço delas. Isso acarreta uma responsabilidade e apego pelo passado e transporta-se em respeito por técnicas antigas de trabalhar e fazer as coisas, que hoje é algo que está muito em alta. O mercado de beleza, móveis e muitos outros aproveitam todas essas tendências e nós, que somos apaixonados pelo passado, encontramos as coisas com muito mais facilidade.

Pinup Brasileira

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Quais são suas marcas retrô brasileiras preferidas e quais pin-ups brasileiras te inspiram?

Gia RedHot – Têm muitas marcas interessantes hoje que fazem sucesso. As que mais gosto são Dracurella Headpieces (o casquete do ensaio é deles), Rainbow Unicorn, Rocket Clothing, Bruna Pepper, Bananaland e Cocktail Crafts.

As donas dessas marcas mencionadas são verdadeira inspiração para mim, e além delas adoro Aurora D’Vine, Julie Van Wilpe, Miss Gennie, Miss De-Lovely, Mahara Alberttoni, Cherry Rat e tantas outras! Estamos muito bem representadas por aqui.

Pinup Girl

(Foto: Zal Photographer | The Pinup Project)

Universo Retrô – Para finalizar, deixe um recado para quem tiver interesse em ser fotografada pelo The Pinup Project.

Gia RedHot – Para fazer um ensaio pin-up não é necessário ter experiência como modelo, muito menos ter figurino próprio. Proporcionamos este momento especial para você através de uma transformação com direito à produção completa, com penteado, maquiagem e figurino oferecido por nós. Ajudamos em tudo, desde a escolha do tema, poses, além de termos uma equipe sem igual com décadas de experiência.

Além das fotos, oferecemos assessoria para concursos de beleza pin-up, aluguel de figurino do nosso acervo e também serviços avulsos de beleza, como penteado e/ou maquiagem para eventos especiais, como casamentos e festas. Conheça nossos serviços através do site www.thepinupproject.com.br e nos peça um orçamento por e-mail: contato@thepinupproject.com.br . Siga nosso Instagram (@thepinupproject) e Facebook (@thepinupprojectbr) para estar por dentro das nossas novidades, ensaios e sorteios.

FICHA TÉCNICA
Editorial: Tiki
Modelo: Karla Stevanatto (Gia Redhot)
Produção: The PinUp Project
Maquiagem: Karla Stevanatto
Cabelo: Karla Stevanatto
Fotografia: Zal Photographer
Figurino: Acervo Pessoal
Acessório: Dracurella HeadPieces
Divulgação: Universo Retrô

Matérias Relacionadas
Coberta por balões, editora do Universo Retrô posa grávida para o Pin-Up do Mês de julho
Pin-Up Western
Proprietária da marca Rainbow Pin Up Store mostra seu lado western para o Pin-Up do Mês de junho
Srta Tata
Pela primeira vez no site, Pin-Up do Mês não é do estado de São Paulo; conheça Srta Tata
Pin-Up Angel Estevão
Pin-Up do Mês de março mostra seu estilo em casa de show retrô do litoral paulista

Deixe um comentário

dezenove − 1 =